Falsos cognatos entre o português e inglês – Parte II

Podcast about false friends between Portuguese and English

False friends (false cognates – Portuguese x English)

Olá e seja bem-vindo ao Portuguese Basic Tips 63 (em inglês) sobre os falsos cognatos que encontramos em português e entre o inglês

No episódio de hoje, continuaremos falando sobre os falsos cognatos que encontramos entre a língua portuguesa e a língua inglesa. Falsos cognatos, você já sabe, são palavras que possuem algumas similaridades entre dois idiomas; entretanto seus significados são completamente diferentes de uma para outra.

Se você não ouviu o nosso episódio anterior sobre o tema, clique no link e visite o nosso podcast chamado false cognates part I

Agenda x Agenda

Essas são as primeiras diferenças que precisamos saber hoje. Quando dizemos a palavra “agenda”, em inglês, estamos meio que nos referindo a “uma lista de itens a serem discutidos em um encontro formal”. Nós temos, por exemplo, a “agenda governamental” ou algo do tipo. Quando falamos a palavra “agenda”, em português, nós estamos nos referindo ao “bloco com anotações” que usamos – fisicamente. Isso! Nós estamos nos referindo a um pequeno livro. Esse livro é usado para programar algo de que devemos nos lembrar, por ser algo importante.

Então, repita comigo: agenda

Application x Aplicação

A palavra “application”, em inglês, é normalmente usada quando você quer fazer um pedido, ou uma inscrição, certo? Por outro lado, quando usamos a palavra “aplicação”, em português, na verdade a estamos usando como um adjetivo que significa “esforço”, significa que alguém é muito “trabalhador”.

Por exemplo:

  • Ele foi muito aplicado naquele trabalho.
  • He was serious with that job / He did that job well.

Repita comigo: aplicado

Deception x Decepção

Ambas as palavras possuem sentidos negativos, mas que não são iguais. Em inglês, a palavra “deception” é majoritariamente usada para nos referirmos a “uma fraude”, “uma traíção” – enganação. Em português, usamos “decepção” com o sentido que tem a palavra “disappointed” – em inglês. Quando estamos “desapontados” com algo ou com alguém.

Por exemplo:

  • Eu estou muito decepcionado pelo que você fez.
  • I’m very disappointed in what you did.

So, repeat with me: decepção / Estou decepcionado

Grip x Gripe

Em inglês, quando dizemos “grip”, estamos pedindo para que alguém segure algo firmemente, correto? Por exemplo: grip the rope! Segure firme a corda! Em português, a palavra “gripe” possui o mesmo significado que “the flu” em inglês. Portanto, quando digo que “estou gripado”, quero dizer “I have the flu”.

Repita comigo: gripe / Eu estou gripado

Que bom que isso não é verdade hoje…

 

Torne-se Membro Premium e faça o download  das nossas transcrições completas

Clique no link e aprenda mais sobre os falsos cognatos

Espero que você goste.

Valeu e até a próxima!

Marcos Sales

 

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *